Mude o tamanho do texto: A A A

Clube da Panela

Depois de um longo e tenebroso inverno o “Clube da Panela” volta a se reunir. Entende-se que foi a intervenção do empresário Mauro Melo que contribuiu para que isto ocorresse e em grande aglomeração. Mais de 50 pessoas estiveram presentes, dentre alguns convidados e associados. Pena que poucos dos antigos paneleiros não compareceram. Falta sentida do Dr. Raul Dolzan, como lembrou o suplente de deputado federal Sandro Saggin.

Na verdade este processo ocorre sempre no início de ano, quando leva ao convívio do Clube vários novatos imaginando se impor numa plateia já calejada pelas labutas empresariais e políticas.

De uma forma ou de outra valeu pelas colocações efetivadas pelos paneleiros Eduardo Baroni, defendendo a realização de encontro de produtores no Parque de Exposição, nos próximos dias.

Aridaque discorreu, sobre as dificuldades de se finalizar um processo de retirada de invasores de terras. “Houve a sentença, mas não a sua execução”, colocou, sendo apoiado pelo também produtor Vasco Mil Homens e outros dos presentes.

Também presentes o Comandante do Exército, Cel Gilvan e mais dois oficiais; o vice-prefeito Welinton Marcos e três vereadores e diversos outros empresários de vários setores, advogados, comerciantes e o Jornalista Paulo Batista, criador e hoje presidente de honra da entidade que, segundo o atual secretário Eduardo Português, não pode ficar tanto tempo sem se reunir.

Importante observar que, como sempre quem comandou as panelas foi o próprio Eduardo que fez um prato especial regado a camarão e outros acompanhamentos. O Fernando Brandão também colaborou. Ele e outros…

No paralelo o Júnior (do Chopp) fez um concorrido churrasco, que foi regado a chopp, claro, não faltando no paralelo a pinga curtida no barril de carvalho com sucupira dentro, do empresário Valdecir Ferrari. Quem curtiu foi o Derci, o Paulo Batista, o Marquinhos e o próprio Valdecir.

Foi uma noite bastante alegre. O Mauro Melo também colocou o espaço à disposição do Clube da Panela que, por ficar bem no centro da cidade, facilita em muito o acesso dos seus componentes, com era antigamente, em frente ao Colégio Madre Marta, bem pertinho da residência do Cidó, um dos primeiros paneleiros.

Seja o primeiro a comentar sobre "Clube da Panela"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*