Mude o tamanho do texto: A A A

Massificação necessária

Nunca é demais ser repetitivo em nossas falas, principalmente quando algo de produtivo para a nossa vida cotidiana, para os amigos e observando, por tabela, os caminhos tortuosos daqueles que buscam alcançar seus objetivos de maneira funesta, como foi colocado na edição anterior.

Um novo ano começa e, com ele, renasce a esperança para se realizar velhos desejo (perder peso, parar de fumar, trocar de carro, viajar e, principalmente, juntar dinheiro para concretizar sonhos).

Há, porém, também a colocação de que é nesta época que as pessoas percebem que muitos dos objetivos anteriores ainda não foram alcançados; na realidade, nem saíram do papel.

Então, eis as dúvidas: “O que estou fazendo de errado”?; “Será que devo continuar sendo honesto, ou seguir os caminhos trilhados por vários políticos ou seus correlatos?; “Como fazer de 2018 um ano realmente diferente e melhor para minhas finanças?”

A dúvida é atroz dado as dificuldades colocadas em nossos caminhos, notadamente quando vemos e assistimos muitos corruptores e corruptos se unindo para tirar proveito sobre os ombros dos que persistem em trilhar o caminho da honestidade e do bem comum.

Uma reflexão sobre o porquê das metas não serem concluídas, nos tornam temerosos e reticentes quanto ao prosseguimento dos nossos sonhos, que demanda continuidade naquilo que percorremos no dia a dia, em especial as financeiras.

Há quem defenda buscar nestes caminhos, novas profissões ou mudar até de cidade, o que nos parece não ser a solução, segundo estudiosos. Conforme se predomina, para uma mudança ocorrer é fundamental a pessoa ter que transformar o seu modelo mental, de modo que a meta possa ser vista com mais clareza.

Temos que sermos persistentes em nosso projeto de vida, principalmente se buscamos trilhar o caminho correto, que o da honestidade. Quando vemos alguém subir degraus aos saltos, podemos aquilatar que algo está sendo transposto e ele correrá o risco de cair escada abaixo, por que não soube escalar de maneira limpa, como costuma fazer a maioria dos políticos e seus apadrinhados.

Também não devemos espelhar, nos mesmos, ou sentir inveja do amigo que conseguiu fazer o seu dever de casa. Faça o seu modelo de vida, o seu projeto próprio e persista, que as reparações estarão surgindo. Procure inovar, buscar opções diferenciadas, mas dentro da sua linha traçada, a não ser que tenha surgido novas opções palpáveis e honestas.

Visualize-se atingindo seus objetivos sem sair em busca de caminhos tortuosos. Você verá que seu sono será bem tranquilo, notadamente às seis da manhã. Devemos soletrar e saber que nem tudo que reluz, é ouro…

Seja o primeiro a comentar sobre "Massificação necessária"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*