Mude o tamanho do texto: A A A

Transformações necessárias

Sempre estamos defendendo o melhor para a nossa família, nossos amigos e outros conhecidos de nosso bairro, nossa cidade, nossos municípios vizinhos, nosso Estado e também do nosso País. É natural que assim seja, por que além de brasileiros, somos patriotas, querendo sempre o melhor para o Brasil, nosso recanto varonil.

O que nos desperta desconfiança é a fase conjuntural que estamos vivendo, nestes últimos tempos, seja no campo social, político e até administrativo. Uma coisa depende, claro, da outra, formando um emaranhado de desencontros que vem atingindo a maioria dos que se diziam impolutos.

A ganância vem falando mais alto, em quase todos os setores da sociedade. Poucos estão sendo os que podem bater no peito e dizer: – Sou honesto, de corpo e alma!!!. Isto por que não há mais um discernimento do fazer direito, ou fazer errado.

Já não estamos conseguindo separar, ou perguntar, se o corruptor faz o corrupto ou se este faz o primeiro. Isto, nas fazes primárias ou secundárias, por que os distúrbios já se iniciam bem aqui ao lado.

A bem da verdade poderíamos dizer que estamos quase todos lesionados. Claro que as exceções existem em todos os lugares e em todos os poderes constituídos, mas a destruição moral está atingindo, com maior intensidade o Legislativo e o Executivo, com menor foco, o Judiciário.

As descobertas do cotidiano nos fazem crédulos quando das operações policiais, em todos os estados. Cada uma descobre que as virtudes estão cada vez mais escassas, pois a ânsia de tirar proveito em tudo está levando os impróprios a tentar burlas a Lei, muito embora esteja sabendo que, cedo ou tarde, terá que pagar pelas suas falcatruas nos setores criminais.

A Justiça dos homens, ainda honestos, por certo estará atuando. Se esta não der conta de punir, o castigo virá, no julgamento final, quando Deus dará o seu veredito…

Seja o primeiro a comentar sobre "Transformações necessárias"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*