RIO ARAGUAIA

O rio Araguaia banha os estados de Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará. - Foto por: Tchelo Figueiredo

Bolsonaro, Mendes e Caiado lançam programa de recuperação de áreas degradadas

Da Redação

Abençoado por Deus e rico por natureza, o Rio Araguaia finalmente é reconhecido pelas autoridades constituídas, lideradas pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que foi o lançador da ideia do lançamento do Projeto de revitalização do mesmo.

A ideia alcançou repercussão e aplausos do presidente Jair Bolsonaro que esteve em Aragarças, Goiás, para o seu lançamento.

Fotos: Edevílson Arneiro (SECOM-BG)

A solenidade de assinatura do citado projeto ocorreu no último dia 05, pela manhã, na Praia do Quarto Crescente, em Aragarças.

O presidente Jair Bolsonaro lançou nesta quarta-feira, dia 05 o programa Juntos pelo Araguaia, em conjunto com os governadores de Goiás, Ronaldo Caiado e de Mato Grosso, Mauro Mendes. A solenidade de assinatura do projeto aconteceu na Praia Quarto Crescente, em Aragarças.

O programa foi lançado no Dia Mundial do Meio Ambiente e idealizado como a maior ação de revitalização de bacia hidrográfica por meio de um esforço conjunto entre os Governos Federal, de Goiás, Mato Grosso e Tocantins.

Durante o evento, também foi firmado um acordo de cooperação técnica entre as Secretarias de Meio Ambiente dos Estados de Goiás (Semad) e Mato Grosso (Sema) e os Ministérios do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Regional.

Logo após o almoço com o presidente Bolsonaro, os governadores Mauro Mendes e Ronaldo Caiado visitaram propriedades com áreas degradadas e fizeram plantio simbólico de mudas de espécies nativas, simbolizando o início do programa. Do lado mato-grossense, o ato será realizado na Fazenda Pôr do Sol, no município de Pontal do Araguaia. Já em Aragarças, o local escolhido foi a Fazenda Bela Vista.

“Juntos pelo Araguaia”

O programa prevê a recuperação de 10 mil hectares de áreas degradas em 27 municípios da região, sendo 5 mil em cada um dos Estados, Mato Grosso e Goiás. Na primeira etapa, o objetivo é recompor as florestas protetoras de áreas de preservação permanente e manejar pastagens e atividades agropecuárias com tecnologias de agricultura de baixo carbono, bem como implantar sistemas agroflorestais nas zonas de recarga de aquíferos, nas cabeceiras e nos afluentes que formam o Rio Araguaia.

Privilegiando as cabeceiras do rio que corta cinco estados em um percurso de 2600 quilômetros, a área de abrangência da atuação em Mato Grosso engloba os municípios que compõem o Comitê de Bacia Hidrográfica do Alto Araguaia: Alto Taquari, Alto Araguaia, Alto Garças, Araguainha, Ponte Branca, Ribeirãozinho, Torixoréu, Guiratinga, Pontal do Araguaia, Tesouro, General Carneiro, Barra do Garças.

Seja o primeiro a comentar sobre "RIO ARAGUAIA"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*